Frete grátis acima de 349$ Enviamos para todo o Brasil! 6x sem juros
Meu carrinho
0
Seu carrinho está vazio

Conheça as 5 fases do trabalho de parto e o que esperar

Publicado em 04.07.2024 |
Visualizações
2 visualizações

O trabalho de parto é um dos momentos mais significativos e transformadores na vida de uma mulher. No entanto, quando não sabemos o que esperar, é comum ficarmos um pouco ansiosas. 

Por essa razão, entender suas fases é essencial para se preparar emocionalmente e fisicamente para a chegada do seu pequeno. 

Aqui, vamos listar todas as fases do trabalho de parto, oferecendo informações sobre cada uma e dicas para gerenciar da melhor maneira os estágios, pois dessa forma você consegue vivenciar essa experiência com mais tranquilidade e confiança. Vamos lá futura mamãe? Siga a leitura!

A espera cheia de antecipação: fase latente

Imagine a fase latente como o início de uma grande sinfonia. É aqui que tudo começa, com contrações suaves que vão aos poucos ganhando ritmo, podendo ser acompanhadas de sintomas como o rompimento da bolsa d’água e a eliminação do tampão mucoso. 

Esse estágio é a sua porta de entrada para a maternidade, marcando o começo de uma transformação, sendo caracterizada pelas contrações até a dilatação cervical de aproximadamente 3-4 cm. 

As medidas da dilatação são extremamente importantes para entender o progresso do parto, tornando necessário checar essa informação em cada fase. 

Dicas para gerenciar a fase latente

  • Pratique técnicas de respiração profunda e relaxamento.
  • Mantenha-se hidratada e alimentada com lanches leves.
  • Caminhe ou mude de posição para promover o progresso do trabalho de parto.

A força que cresce: fase ativa

A segunda fase do trabalho de parto é conhecida como ativa. Aqui é quando as contrações se tornam cada vez mais regulares, porém mais intensas e envolve a dilatação cervical de 4 cm até cerca de 7 cm

Esta é a fase em que muitas mulheres se deslocam para o hospital ou maternidade, se ainda não o fizeram.

Dicas para gerenciar a fase ativa

  • Mantenha-se em movimento, experimentando posições que aliviam o desconforto.
  • Respire profundamente, visualizando cada respiração como uma onda de amor que chega ao seu bebê.
  • Esteja rodeada de palavras de encorajamento e afeto.

Transição: o desafio final antes do encontro

A fase de transição é curta, mas desafiadora, pois marca o último estágio antes de você começar a empurrar. Além disso, aqui a grávida estará com a dilatação de 8 cm a 10 cm e as contrações são muito fortes, longas e com intervalos curtos. 

Outros sintomas comuns que podem acontecer são tremores, náuseas e uma sensação de pressão intensa, mas lembre-se que está quase no fim do processo para conhecer o seu pequeno. 

Dicas para gerenciar a fase de transição

  • Foque em respirações curtas e rápidas, como se estivesse soprando velas.
  • Deixe-se envolver pelo apoio de quem está ao seu lado, permitindo que sua equipe médica te guie.

O milagre do nascimento: fase expulsão

Finalmente, chegamos na fase do trabalho de parto conhecida como expulsiva. É aqui que você encontra sua força, empurrando com amor e determinação até ouvir o primeiro choro do seu bebê. É um momento de pura magia, onde todo o esforço se transforma em alegria.

Dicas para gerenciar a fase expulsiva

  • Siga os instintos do seu corpo sobre quando e como empurrar.
  • Experimente diferentes posições de parto para encontrar a mais confortável.
  • Mantenha-se focada e energizada para o esforço de empurrar.

A celebração da vida: entrega da placenta

Após o nascimento do seu pequeno, a entrega da placenta marca o último estágio do trabalho de parto, que pode ocorrer de 5 a 30 minutos após a chegada do bebê. 

É um tempo de calma e reconhecimento, onde você e seu bebê se encontram pela primeira vez, olho no olho, coração com coração. Com certeza, esse será o momento que ficará para sempre gravado em sua memória! 

Dicas para gerenciar a fase de dequitação

  • Respire fundo e aproveite este momento de conexão profunda com seu bebê.
  • Permita-se ser cuidada, recebendo todo o amor e atenção de sua equipe de saúde.

Leia também sobre aleitamento materno

Cada fase do trabalho de parto é uma etapa na jornada de trazer uma nova vida ao mundo. Entender cada uma delas é abraçar esse momento com confiança e amor, uma vez que te prepara para o encontro mais transformador da sua vida. 

Lembre-se, você não está sozinha. Com apoio, informação e muita ternura, você estará pronta para viver essa experiência única. Bem-vinda à maternidade, mamãe.

Esperamos que nosso conteúdo sobre as fases do trabalho de parto tenha te proporcionado conhecimento e tranquilidade. Aproveite e descubra também o que levar na mala maternidade. Até a próxima! 

Referências 

  1. BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Saúde da Mulher e da Criança. Diretrizes nacionais para a assistência ao parto normal. Brasília: MS, 2012. 164 p. (Série Atenção à Saúde da Mulher; n. 4).
  2. DESPERTAR DO PARTO. Parto normal. Despertar do Parto, [2024]. Disponível em: https://www.despertardoparto.com.br/parto-normal.html. Acesso em: 15 mai. 2024.
  3. MEDWAY. Fases clínicas do trabalho de parto: saiba mais. Medway, [2023]. Disponível em: https://www.medway.com.br/ebooks/abc-do-pre-natal-o-que-todo-estudante-de-medicina-deve-saber/. Acesso em: 15 mai. 2024.

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.